segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Olhe... Olhe... Olhe... ao redor

Ei pessoal, recebi este e-mail da Claudia do Livre Ser e em tudo a ver com o que aconteceu hoje comigo tbm essa manhã... desde que voltei a morar aki junto com meus pais, marido... Deus tem colocado alguns vizinhos em meu coração... tem feito com que eu olhe para eles... e fiquei sabendo de uma das Senhoras aki vizinha q ela estava com depressão... passando um período bem difícil. Ai hoje cedo sai na rua com meu marido para resolver um negócio ai vi o marido dela e perguntei sobre ela.. e entrei e tive o privilégio de conversar um pouco com ela... e ela me contar o que tem acontecido já a anos, como tem tratado e lidado com tudo isso... realmente ela tem depressao e sindrome do panico.. e isso vira e mexe volta... conversamos menos de meia hora, mais foi o suficiente para ela saber que o Senhor esta com ela.. e a tem sustentato... muito difícil... como ela mesma disse.. ela acabou me aconselhando! Pois tbm muitas vezes tenho umas crises assim... que o Senhor esteja vivo em nós e seja o motivo pelo qual vivemos! Leia o texto... e pense nisso... OLHE... OLHE... para as vidas em redor...



Um dia antes de sair do Brasil, estive com uma de nossas crianças em um hospital; precisávamos trocar um medicamento. Na sala de espera haviam 3 mulheres que conversavam entre si e eu não tinha como não ouvir. Veja o que cada uma delas fala; eram pessoas comuns, porém, com almas em desespero, algo que eu e vc no dia a dia não percebemos em quem esta ao nosso redor.

Pessoa 1 - Tenho sindrome do pânico, sinto as vezes que vou morrer, me falta ar; tudo fica perdido, é horrível, não desejo isso para meu pior inimigo.

Pessoa 2 - Não consigo parar de chorar; só sei que sinto uma tristeza muito grande e choro o tempo todo, meu coração dói de tanta tristeza, me consome.

Pessoa 3 - Tenho depressão, só levanto as vezes por causa do bebê; ouço vozes que dizem que devo me suicidar. A voz diz assim: Vai, pula. Sei que qualquer hora eu pulo mesmo, é mais forte que eu.

Essas mulheres, são pessoas comuns, pessoas que só de olhar não identificamos o que se passa em suas almas, é preciso ouví-las. Deus me disse algo nessa sala de espera... Sei que ELE de alguma forma fez com que eu estivesse ali naquele momento, nem 1 hora antes ou 1 hora depois.

Claudia, OLHE PARA CADA UMA DELAS, OUÇA, VEJA A DOR DAS PESSOAS, SÃO GRITOS SUFOCADOS DE SUAS ALMAS. olhe, olhe, olhe.

A voz que saia do meu coração, era como uma voz com tom de ordenança e ao mesmo tempo de dor.

Eu chorei muito por tudo isso; senti dor dentro de mim; era uma dor estranha. Senti como se tivesse tido uma espécie de insite... essas pessoas estão ao nosso redor e nós não enxergamos, falamos de violência, enfermidades, catástrofes, fomes e não nos apercebemos um povo que esta morrendo cheio de pavor e tristeza as ocultas e ao nosso lado.

Não vou dizer que estas pessoas não conhecem ao Senhor, pois, sei que há pessoas dentro de orgaznizações religiosas que sofrem de depressão, não vou entrar nessa questão. QUERO FALAR AQUI DE NÓS, QUE ANDAMOS PARA LÁ E PARA CÁ E NÃO OLHAMOS AS PESSOAS. NÃO OUVIMOS SEU PEDIDO DE SOCORRO.

NAQUELA SALA DE ESPERA ME SENTI COVARDE, ALHEIA AO QUE SE PASSA AO MEU REDOR, EU OREI ALI MESMO E FALEI COM DEUS ASSIM:

"Pai, que povo é esse morrendo as ocultas? nós não estamos vendo essa multidão de almas que gritam; me ajude a ver, ouvir, e sair da minha inércia individualista e interesseira; me levanto bem todos os dias, supero os problemas, durmo bem, meu coração bate com alegria... e o resto do mundo???" me sinto egoísta e miserável.

Estou compartilhando algo que Deus tratou comigo; vou estar mais atenta a alma das pessoas que estão ao meu redor, a correria, ativismo e interesse próprio me cega para essa mutidão que grita em silêncio Muitas vezes "" eu "" em nome do ""meu ministerio"", """ minhas coisas """ meu umbigo """ negligêncio ao que é mais importante: AS PESSOAS, AS PESSOAS SÃO MAIS IMPORTANTES DO QUE MEUS CERTIFICADOS, RECONHECIMENTOS HUMANOS, MEU CONFORTO E ETC, EU CONFESSO À VOCÊS QUE ME SINTO MUITO INADEQUADA, INCOMODADA,E ORO PARA QUE DEUS ME DÊ ESTRATÉGIAS PARA AJUDAR ESSAS PESSOAS, OU NÃO SER TÃO ALHEIA. ISSO MECHEU MUITO COMIGO, ALGO ESTA ERRADO ENTRE TODOS NÓS E O CORAÇÃO DEUS DÓI.

Claudia - Livreser.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário